quarta-feira, 20 de julho de 2011

Espanha - Madrid - Parte 1

Bom dia meninas !!!!!

Antes de mais nada, gostaria de pedir desculpas por não estar tão presente o quanto eu gostaria. Realmente as coisas estão bem corridas por aqui e até eu me interar de tudo, acho que continuarei com um pé aqui no blog e outro na vida (rs.............).

Hoje comecei a liberar os comentários e percebi que tive várias novas visitas !!!!!!!! Meninas, muito obrigada pelos recadinhos !!!! Prometo que pelo menos no final de semana, estarei retribuindo as visitas. Espero que vocês me entendam ...  O post de hoje saiu depois de 3 dias sendo escrito (rs............), isto é só para vcs terem uma idéia de como estou atarefada. Espero que vocês gostem !!!

Então ... hoje eu vou começar a falar um pouquinho sobre a viagem para a Europa ... como o último destino é o mais fresquinho na minha memória ... vamos começar falando sobre Madrid. (RS......).
Depois de ver tantas coisas em Portugal, Paris e Barcelona, achei Madrid (turisticamente falando), com poucos pontos turísticos e tudo muito pertinho. Então para quem está se planejando em fazer uma visitinha na cidade, acho que dois dias são mais que suficientes para se ver tudo. (opinião minha).


Como já estávamos exaustos de tanto andar, optamos por pegar o Bus Turístico Madrid,porém se a sua viagem começar por Madrid e você quiser, é completamente possível fazer quase tudo a pé.

O nosso hotel ficava a 5 minutos da Estação Atocha e no meio entre o Museu Reina Sofia e o Museu Del Prado e Parque Del Retiro e Jardim Botânico (estes três locais, ficam um ao lado do outro).


Para quem não sabe ou não se lembra, a Estação Atocha foi a estação que sofreu os atentados de terroristas de 2004 e que foi totalmente reformada. Além de ser uma das maiores estações de trem do mundo, ela ainda ganhou uma praça gigante e cheia de vegetação tropical (dentro da própria estação).





Estação Atocha
O nosso roteiro ficou mais ou menos assim:
Acordamos cedo e fomos andando até o Museu Del Prado. Como estava cedo e o Museu ainda estava fechado, tiramos apenas algumas fotos e embarcamos no ônibus turístico (que só começa a funcionar às 10 hs). Este ônibus  faz ponto (parada inicial), bem em frente a entrada no Museu (na lateral) e na alta temporada passa de5 em 5 minutos (quase que literalmente).



 De lá passamos pela Puerta de Alcalá, Barrio de Salamanca (com edifícios maravilhosos em termos arquitetônicos), Plaza de Colón, Plaza Cybelis  e nos encaminhamos para a Gran Via. Neste ponto, resolvemos saltar. Primeiro porque o marido queria porque queria tirar fotos com a Plaza Cybelis (até agora não entendi o fascínio dele por esta praça) e depois porque nós queríamos caminhar um pouco pela Gran Via que é uma das principais avenidas da cidade, com muitos hotéis, bares, teatros, Zara, H&M, Mango, Sephora e etc.
Plaza Cybelis


Gran Via

Assim que vocês entrarem na Gran Via, reparem no Metropolis Building ... o prédio em si não tem nada assim tão maravilhoso ... mas eu achei a sua cúpula tão bonita (rs......).

Fomos andando um pouco (com direito a paradinha na H&M para marido comprar umas roupinhas). Neste meio do caminho, resolvemos entrar em uma rua super bem movimentadinha  para darmos uma olhada nas lojinhas e qual foi a minha surpresa ????? Várias prostitutas fazendo ponto ...  ali na cara da polícia turística ...  em plena luz do sol ... em uma rua cheia de gente ... às 12 hs da manhã !!!!!!!! (RS.............)
Continuamos a andar e mais ou menos na altura do número 32, estava a Plaza Callao ... de lá saem outras ruas que conectam a Gran Via e a Puerta Del Sol – Calle Del Carmem e a Calle Preciados que também são duas ruas comerciais muito importantes.



Um pouco além deste local, resolvemos entrar novamente no ônibus turístico. Após percorrer toda a Gran Via, passamos pela Plaza de España que possui em seu centro, um monumento em homenagem a Cervantes. (como tinham vários toldos brancos de barracas montadas na Praça, acabei achando a Praça bem sem gracinha).

Nossa próxima parada foi o Templo de Debod . Este templo constitui um dos poucos testemunhos arquitectônicos egípcios completos que podem ser contemplados fora do Egito e o único destas características existente na Espanha. Construído no século IV a.C., há apenas algumas décadas situava-se no sul do Egito, muito próximo da primeira catarata do Nilo. Em 1968, o templo foi doado a Espanha pelo Estado egípcio em agradecimento pela ajuda prestada ao salvamento dos templos de Abu Simbel. Uma vez transferido a Espanha, pedra por pedra, o templo foi exposto a um complicado trabalho de reconstrução e restauração.



O Templo de Debod a noite ... não fica lindo ??? Foto: Google

De lá, novamente munidos do super transporte turístico, passamos por vários outros pontos turísticos, mas só descemos na Puerta Del Sol, que é a Praça principal da cidade. A Puerta Del Sol representa o centro da Espanha e na calçada em frente a Prefeitura, você poderá encontrar a placa do Marco Zero.


Eu perguntei para uma vendedora o pq de ter este ursinho simpático no meio da Praça e ela me explicou que este monumento é uma homenagem aos ursos que viviam naquela região e que comiam as frutinhas que tinham nesta árvore que ele está abraçando.

Após apreciarmos a praça (que por sinal estava muito mal conservada e cheia de barracas de manifestantes. Não sei se vocês se lembram, mas há cerca de um mês atrás, a Espanha sofreu com várias manifestações de jovens e trabalhadores por causa da crise econômica que o país está sofrendo ... um dos pontos de maior manifestação foi exatamente nesta praça).
Voltando ... após caminharmos um pouco pela praça e constatar que eu teria 5 prédios do El Corte Inglês para percorrer ... começamos a fazer o caminho de volta para vermos os pontos turísticos pelos quais o ônibus tinha passado e nós não “vimos” (de perto).

OBS: El Corte Inglês - é uma cadeia espanhola de lojas de departamento que tem de tudo um pouco !!! Em cada prédio são pelo menos 7 andares com quase tudo que você possa imaginar. Maquiagem,perfumes,relógios,eletrodomésticos,roupas,supermercado,sapatos,decoração e etc. Tudo muito bem separado e organizado.

Como já se passava das 13 hs, fomos descendo pela Calle Mayor ... esta rua, nos levou diretamente a Plaza Mayor, que é outra famosa praça de Madrid. Como esta praça é muito turística, ela está rodeada de restaurantes. Alí resolvemos almoçar ... o complicado foi escolher em qual restaurante ... são muitas opções !!!!!!



OBS: Caso você não queira gastar muito nos restaurantes, uma boa pedida é pedir o “Menu Del Dia”. Nele você terá a opção de escolher (dentre as sugestões do restaurante), um primeiro prato, um segundo prato, uma taça de água,vino ou cerveja e sobremesa ou café. Tudo isto sai em média de 11 a 13 euros mais a taxa de serviço (em alguns restaurante o IVA – imposto – já está incluído).
Após o almoço,saímos da Plaza Mayor e fomos visitar o Mercado San Miguel, que foi inaugurado ano passado. São 30 bancas de frutas e verduras, massas, peixes e embutidos. Além disso este mercado possui uma livraria de culinária, mesas para degustação, uma doceria e bares de vinho. Confesso que não achei lá estas coisas ... gostei mais do Mercado de la Boqueria em Barcelona (e depois vcs vão entender o motivo).




Mercado San Miguel

A partir dalí continuamos a descer a Calle Mayor que vai terminar bem em frente a Catedral de La Almudena que é uma das principais de Madrid e é onde fica a sede episcopal da diocese.



Catedral

Ao lado fica o Palácio Real, também conhecido como Palácio Del Oriente e que apesar de ser a residência oficial da família real espanhola, o palácio só é usado para eventos oficiais. O Palácio é aberto ao público e algumas poucas salas estão abertas ao público o ano inteiro, como por exemplo a sala do trono e a sala das armaduras. Caso você resolva visitar o Palácio, a visita dá direito a conhecer o Palácio, a percorrer a exposição e a conhecer o Jardim do Oriente que se extende por trás do Palácio.


 Deste ponto, novamente regressamos ao ônibus de turismo e voltamos para a Plaza Puerta Del Sol dalí caminhamos pela Carrera San Jerónimo (paralela a Calle Alcalá)  para tirarmos fotos no Congresso e qual foi a surpresa neste ponto ???  Esta rua, termina exatamente em frente a Fonte de Netuno, que fica em frente ao Museu Del Prado (nosso ponto de partida).

Para terminar o dia, resolvemos fazer um dos programas mais tradicionais e madrilenhos .. uma passadinha na Chocolateria San Gines para saborearmos um delicioso Chocolate quente com churros !!!! Esta Chocolateria é uma das mais tradicionais de Madrid  e foi fundada em 1890 !!! E nossa ... comer churros com chocolate quente ... daqueles bem grossinhos ... puro chocolate ... coisa boa demais !!!! Pedimos dois chocolates com churros (cada um custou 2,50 euros), porém se nós soubessemos que vinha tantooooooooos churros teríamos pedido só um (rs.............). Esta chocolateria fica escondidinha em uma ruazinha atrás da Igreja San Gines. Como fazer para chegar lá ??? Estando na Puerta Del Sol, olhando em direção contrária aos carros que passam pela Calle Mayor, vc verá uma rua só de pedestre (esta rua sai da Puerta Del Sol), está rua é a Calle del Arenal ... caminhe por esta rua até chegar na Igreja de San Gines ... Chocolateria fica em um “bequinho” antes (ao lado) da Igreja. Este programa com certeza é uma pedida sensacional !!






Amanhã eu continuo ... (rs...)
Beijinhos !!!


*Créditos
-> http://www.emtmadrid.es/bus_turistico
-> Wikipédia
-> http://drieverywhere.net/


7 comentários:

Lynnyx - Casamento e Etc disse...

Menina, que coisa boa viajar assim heim... Fiquei chocada pela prostituição ser pública e aceitável por lá, independente da hora do dia. Que isso?!

=*

Ale Lima disse...

Estou babando nas fotos !
A arquitetura é linda e fiquei encantada pela catedral !

Conte mais !

Bjs

Ale Lima

Dani disse...

Oi, Maitê!

Humm, fiquei com vontade de comer este chocolate com churros, deve ser delicioso.

O Palácio Real é lindo demais, você entrou nele?

Beijos!

Musa disse...

Voc~e tá bem de fotos, hein! Ficaram lindas, céu azulzinho... Amei o Deblod, realmente fica lindo demais! :)

Beijos!

Marta disse...

Tetê... que coisa boa essa viagem!!! deve ter sido maravilhoso.... o tempo estava bom, né? Vi as fotos no face.. muitas saudades de Portugal!!!!
Beijos

Flávia - Compartilhando Idéias... disse...

Nossa que fotos maravilhosas! É muito bom viajar mesmo, nem dá vontade de voltar mais né? rsrs
Adorei sua visita! Ja estava com saudades! Bj

Bibia Bueno disse...

*** Suspiros