segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

BedBug

Eu confesso que apesar de já ter viajado um pouquinho, eu NUNCA tinha ouvido falar sobre este assunto. Como ele foi tema de um bate papo em um grupo que participo, resolvi postar sobre isto. Como este é um alerta super válido (principalmente para quem viaja com crianças), vale a pena deixar o assunto registrado por aqui.

Bedbug nada mais é do que um bichinho muito do nojentinho que aqui no Brasil é conhecido como percevejo.

Estes bichinhos que tem o tamanho de uma semente de maçã, passam o dia escondido entre as frestas da cama, embaixo do colchão, dentro das gavetas, em almofadas e em todos os lugares escondidinhos perto das camas.

Google

Durante a noite, por conta do calor do corpo, picam as pessoas sugando o seu sangue. Por conta de uma "anestesia" que é transmitida pela saliva do percevejo, só vamos sentir a picada, no dia seguinte através de coceiras terríveis e nas pessoas mais sensíveis podem causar feridas.

Google

Pelo que andei lendo, este é um problema MUITO comum nos Estados Unidos e os hotéis gastam uma fortuna com limpeza e dedetização. Mas basta um ovinho vir na roupa de algum hóspede, que pronto ... o problema ressurge.

Algumas dicas para se prevenir:

-> Antes de fechar o hotel da sua viagem, consulte um desses dois sites  onde vc pode verificar se houveram muitos casos de BedBug no hotel.

1)  www.bedbugreports.com
2)  bedbugregistry.com 

Se vc procurar no TripAdvisor sobre o assunto, vc também poderá encontrar relatos sobre este problema em vários hotéis.

Google

-> Assim que vc entrar no quarto faça uma verificação minuciosa em baixo do colchão, nas laterais, nas frestinhas do colchão, nos lençóis. Há quem sugira o uso de secador de cabelo bem quente. Assim, os bichinhos pulam dos seus esconderijos.

-> Se vc encontrar algum bichinho desses, tente captura-lo (fita adesiva é o jeito mais fácil). Leve até a recepção e peça para mudar de quarto. Não adianta só falar para a recepcionista sobre o problema no quarto, pq provavelmente ela vai ignorar vc (até pq se outros hóspedes escutarem ... será um Deus nos acuda) (rs....).

-> Estes casos de Bedbug não escolhem hotel caro ou barato, mas na minha visão bem particular, quanto mais barato for o hotel, maiores são as chances de vc encontrar estes percevejos, visto que eles não terão o dinheiro para o investimento necessário para a prevenção do local.
Até em hotéis da Disney em que o padrão de qualidade é bem alto, li relatos de BedBug. Por isto digo que não importa as estrelas do hotel ... mas convenhamos ... tenho certeza de que a Disney fez um trabalho gigante de prevenção depois destes casos.

-> Não coloque roupas em armários e gavetas do hotel.

-> Não deixe suas malas no chão !! Os percevejos costumam se esconder em malas e assim voltam para a sua casa ... para outros hotéis ... e vão se espalhando por aí.

Não há muito o que possamos fazer e nem é preciso histeria sobre isto, afinal, os americanos estão bem acostumados com este assunto e particularmente, nunca tinha lido a respeito disto nos blogs de viagem que acompanho. Este post serve apenas de alerta ... não custa nada vc ter um pouco de atenção em relação ao local da sua hospedagem, principalmente quando se viaja com crianças que com certeza são as mais sensíveis em relação a picadas.

* Créditos:

www.badbedbugs.com
www.medicinenet.com




7 comentários:

Kátia disse...

Olá ... adoro seu blog... sempre q posso estou lendo...
passei um caso sério com esses bichinho e foi em um hotel justo da Disney, realmente a qtde de estrela não quer dizer que não podemos encontra-los por ai... bjs

Danee disse...

Só tinha lido sobre esses percevejos em um livro da Zélia Gattai. Deve ser um horror ser picada por eles.

beijocas

Grazzi! disse...

Também só ouvi falar disso esses dias...nunca me deparei com ele e espero q isso nunca aconteça!

Em Nome dos Pais de Múltiplos disse...

Meuuuu!!! Percevejo! Havia esquecido de sua existência kkkk Mas que treta, hein, nem sabia dessas mordidas... A pulga e percevejo fizeram a combinação...kkk Beijos Valeu sempre pelas super dicas!

Carina Cavalieri Cocchiarelli disse...

Maitê

nunca tinha ouvido falar, vou ficar mais atenta!

beijos

Telma disse...

Oi Maitê, nunca havia ouvido falar desses bichinhos e fiquei alarmada! Realmente, é preciso haver cuidado com o hotel que se escolhe para não ficar sujeito às picadas do percevejo. Óptima dica. Um óptimo dia para vocês. Beijinhos

Magui disse...

Que horror! Ainda bem que nunca topei com um...