quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Um vestido ... três gerações

Já tem um bom tempo que quero escrever sobre este vestidinho, mas com o corre corre da vida, nunca tenho tempo para pegar meu álbum de fotos, escolher as fotos, scanear tudo e depois pensar em algo para escrever. Na verdade, a falta de tempo tem "nome": Biscoitinha. Não que ela não me deixe fazer nada ... é que ela é simplesmente fascinada por computador e celular (acho que hoje em dia, todos os bebês são assim, não?). Então, ela não me deixa ficar sentada em frente ao computador sozinha. Ela quer estar junto,sentada no meu colo, batendo nas teclas ou passando a mão na tela ... e aí acabo desistindo de fazer qualquer coisa enquanto ela está acordada. rs.....

O vestidinho tema deste post foi o vestidinho que a Biscoitinha usou no Batizado dela. Um vestido que passou por 3 gerações. Na verdade, se não me engano, foram 4 gerações, mas como não tenho as fotos do batizado da minha irmã, não tenho como provar. Então, vamos acreditar que foram só por 3 gerações.

Bem ... como vcs podem ver nas fotos aqui em baixo, a primeira a ser batizada com este vestidinho foi a minha mãe.

Minha mãe com 4 meses


Depois foi feita apenas uma alteração nas cores das fitinhas e chegou a minha vez.

Euzinha com 4 meses


E depois de 30 anos ... uma nova troca de fitinhas azuis por fitinhas brancas... chegou a vez da minha pequena usar o mesmo vestidinho.

Biscoitinha com 7 meses e meio

O vestidinho apesar de ser todo branquinho, ele é todo bordado em azul bem clarinho, que não nos impede de usar, já que na Igreja católica é obrigatório o uso de roupinhas brancas.

Vcs conseguem visualizar os bordados em azul clarinho ?

Nada como ter uma avó cuidadosa que guardou o vestidinho em um saquinho azul para não amarelar e a cada batizado, lavou, engomou, passou e o deixou como novo. O vestido é muito delicado e é um xodó. Espero conseguir manter o vestidinho assim, como novo, para que quem sabe um dia, a minha neta possa usar também. Afinal, são quase 60 anos de tradição !!



Beijinhos !!


7 comentários:

Carina Cavalieri Cocchiarelli disse...

Maitê

Muito fofo esse vestidinho
Lindo mesmo! !

Também vou fazer um post das minhas roupinhas e que tb foram dos meus irmãos. Tem cada lindeza!

Beijos
Carina e Maria Carolina ♡

Thania disse...

Q lindo Tete!
Sabe q a Anna foi batizada com o mesmo mandrião q eu fui tb, ha mais de 30 anos atras!
Guardo ate hj!
Demais isso!

Amei...
Beijos

Danee disse...

Que lindo, Minha mãe tb guardou meu vestidinho do meu batizado e tá aqui todo novinho, espero batizar a Morena com o mesmo vestidinho.

beijocas

Flicka disse...

Eu acho isso taaao romantico!!!!!!
Coisa linda vcs 3!! Amei muito!!!!

Waleska disse...

Ahhh o vestido!!!
Lindo!

(vc não tirou nenhuma foto da Giulinha com o vestido e de "topete" igual a vó e a mamãe?) rsrs

Helen disse...

Ai, eu AMO tradições assim! Acho tão bacana preservar a história da família...lá em casa, só minha avó é assim (minha mãe é do tipo: "bola pra frente / memória a gente guardar na lembrança, não nas coisas materiais"...) Eu já sai mais "apegada" a essas coisas...por exemplo, na família do meu pai, tem um berço, que foi o berço que minha bisavó usou para todos seus 12 filhos (incluindo minha avó). Depois, cada neto (ou seja, a geração do meu pai) passou, no mínimo, uma noite no berço (e olha que são mais de 50 netos!). Já a minha geração (os bisnetos), tiveram momentos no berço (no meu caso, dormi lá uma tarde...). Hoje em dia, o berço está na casa da minha tia em Campinas, por isso poucos da 4a geração o conhecem. Já falei pra minha tia que, assim que for ao Brasil com o baby, faço questão de dar um pulinho em Campinas, ao menos para tirar uma foto no berço (e quem sabe, colocar meu nome na "listinha" de futuros herdeiros do berço kkkkk)
Mas voltando ao vestido da Giulinha: estou impressionada como ele está bem preservado! Sua avó deve ter tomado conta muito bem dele durante a vida da sua mãe para poder passá-lo adiante para ela (e vc). Muito bacana mesmo! Parabéns por preservarem essa parte da sua história!

Marta disse...

Tetê.. adorei o vestido! Super lindo e delicado! E mais lindo ainda por ter sido usado por tantas gerações!!!!
Beijos