segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

Recife - Litoral Norte

Bom Dia meninas !


Como foram de final de semana ?


Bem ... eu demorei um pouquinho para passar por aqui, pois infelizmente voltei do Recife na 5ª feira e fui direto recepcionar o meu cunhado que veio fazer um curso aqui em Brasília. A partir disto, vocês podem imaginar a loucura que foi ... Desfazer malas, arrumar a casa, fazer comidinhas gostosas, cuidar da minha peludinha e por aí vai.


Hoje vou começar a falar do Recife, de suas atrações, das suas praias repletas de arrecifes (daqui o nome da cidade) e do meu encantamento pelo local.




Nós ficamos hospedados no bairro da Boa Viagem. Não especificamente na orla, pois como o namorido teria que trabalhar, seria melhor para mim ficar perto de algum shopping. E assim foi feito ! Ficamos em um apart hotel com passagem exclusiva para o Shopping Recife. O maior shopping da América Latina (pelo menos foi o que me informaram).


Assim que chegamos, a primeira providência foi sair ligando para algumas empresas de turismo (previamente indicados pela minha sogra), para que eu pudesse ter alguma assessoria e passeios a fazer. A empresa escolhida foi a ELOINTUR, que eu indico de olhos fechados. Excelente atendimento, serviço de qualidade e guias super bem informados e atenciosos. Em dois passeios que eu fiz, quem me assessorou foi um argentino apaixonado pelo Brasil, casado com uma Pernambucana e que sabe mais da história do nosso país do que muito brasileiro (rs.......).


Voltando aos passeios ... a Praia da Boa viagem, está sendo revitalizada e para quem esperava encontrar um lugar horroroso, me admirei com a organização. Por que disse horroroso ?? Algumas das poucas pessoas que ficaram sabendo da viagem, me aconselharam a ter muito cuidado na orla da Boa Viagem, por causa da violência e da freqüências de pessoas carentes. Quando cheguei na orla, me deparei com um lugar todo revitalizado, com um grande calçadão para caminhadas e corridas e com um ótimo policiamento. Ou seja, na minha visão de turista, o único perigo que notei seria o possível ataque de tubarões (rs.................).


Sobre os tubarões, conversando com o taxista que me levou para o aeroporto, ele me contou que os tubarões só começaram a aparecer na praia da Boa Viagem, depois da construção do Porto de Saupe. Que esta construção mexeu com o habitat destes “bichinhos”, fazendo com que eles migrassem.







Meu primeiro grande passeio foi para Itamaracá, que fica no litoral norte. Antes de chegarmos nesta praia divina, passamos por Igarassú, o primeiro povoamento do Brasil. Uma cidadezinha bem pequena, simples, mas com uma riqueza cultural e histórica enorme. Lá, nós visitamos um convento ( e pela primeira vez vi “A” roda. Um “aparelho” em que as freiras enclausuradas recebiam alimentos, remédios, agasalhos e às vezes recém nascidos). Ao lado deste convento, fica um pequeno museu e a Igreja de São Cosme e São Damião. Hoje em dia esta Igreja é a mais antiga do Brasil (construída em 1535).

Casa onde o Imperador se hospedava.


Convento

A roda ...


Casa onde foram gravadas algumas cenas da novela Duas Caras


Igreja de São Cosme e São Damião



Curiosidade : Antigamente, bem na época do início do Brasil, para saber se uma família era rica, bastava apenas olhar para o telhado da casa. Se a residência tivesse 3 “ombreiras” significava que a família era muito rica, se tivessem 2 “ombreiras” era “classe média” e se tivesse somente uma .... tinham pouco dinheiro.

2 "ombreiras"

3 "ombreiras"

De Igarassú, nós fomos para o Projeto Peixe Boi. Um lugar incrível, onde podemos conhecer e ver um pouco mais sobre os peixes-boi.

Curiosidade : Este projeto era patrocinado pela Petrobrás, mas lá ficamos sabendo que a ONG que cuidava deste local resolveu (não sei o motivo) desistir do projeto e com isto a Petrobrás não arca mais com as despesas do local.

Pergunta: Alguém sabe me dizer o por que de uma ONG com patrocínio da PETROBRÁS desiste do projeto sem mais nem menos e “larga” os bichinhos “abandonados” ??? Puxa .... ter um projeto patrocinado pela Petrobrás é o sonho que qualquer idealizador.








Voltando ao passeio ... Enfim ... chegamos na praia de Itamaracá !!!! Simplesmente eu não tenho palavras palavras para descrever o local e as cores do mar.




Assim que descemos da van, fomos direto para o restaurante base da empresa de turismo. Lá tivemos as opções de escolhas de passeios e de almoço. Existiam duas opções de passeios : Uma que nos levava direto para a Ilhota Coroa do Avião e depois nos buscavam na hora que a gente queria ou então era possível escolher um passeio mais completo com duração de 40 minutos que nos levaria a um passeio pela orla da Ilhota do Avião e nos levaria a conhecer os manguezais da região. Como eu queria ficar mais livre para conhecer tudo pelas minhas próprias pernas, optei pela opção 1 e fui curtir tudo o que poderia e mais um pouco (rs...............).





Como o nome mesmo diz ... a Ilhota Coroa do Avião, é uma ilha bem pequena, mas fantástica. Para se chegar lá é preciso pegar uma "jangada" e marcar com o jangadeiro o horário que ele deve voltar para nos buscar. A Ilhota oferece uma paisagem fantástica !!!!! E o bom mesmo é sair andando para conhecer as piscinas formadas pelo mar.










Existe também a opção de ficar sentada em bares a beira da praia, mas o guia nos aconselhou a não comer pela Ilhota pois lá não existe saneamento básico e a comida é feita de forma precária.


Na volta da Ilhota, fomos almoçar ... E que almoço delicioso ... Carne de Sol com macaxeira frita, arroz, feijão, salada e farofa (hummmm ... que fome ). E para acompanhar .... Drink de Abacaxi !!!! (tudo de bom).






Após o almoço ... fomos para o Forte Orange, que fica ao lado da Praia de Itamaracá.

Informações Culturais :

Forte Orange ou Fortaleza de Santa Cruz de Itamaracá.

Forte construído pelos holandeses em 1631. Em 1640 este forte, serviu de prisão de frades portugueses contrários à expansão do calvinismo no Brasil. (os holandeses eram calvinistas).
Após 1654, com o término da ocupação holandesa, o Forte de Orange foi ocupado pelos portugueses, recebendo o nome de Fortaleza de Santa Cruz de Itamaracá.
De Outubro/2002 a Março/2003, foi realizada uma importante pesquisa arqueológica visando resgatar informações sobre o monumento. Essa pesquisa encontrou vestígios do Forte original, construído pelos holandeses, além de cerca de 200.000 fragmentos de louças, material bélico, utensílios de uso pessoal, restos alimentares e até restos mortais.










De Itamaracá, seguimos para o Instituto Ricardo Brennand. Eu confesso que no fundo não estava nem um pouco interessada em visitar "museu" ... mas ... "mordi a lingua" ... VALE MUITO A PENA !!!!




O Instituto Ricardo Brennand é um complexo formado pelo Castelo, Pinacoteca e Biblioteca - edificações em estilo medieval gótico. Voltado a preservação da arte e da cultura, com ênfase no período "Brasil Holandês".



O castelo chamado de Castelo São João, museu do Instituto, reúne a mais importante coleção de armaria do Brasil, formada por canivetes, estiletes, adagas, clavas, lanças e espadas.















Sarcófago de 3000 anos





"Ainda criança, ganhei um canivete. O que seria um brinquedo, para qualquer um da minha idade veio despertar em mim, uma vocação de colecionador.
Ao longo da minha vida, fui  reunindo facas, adagas, espadas, alabardas, armaduras e, como  não poderia deixar de ser , canivetes.
Durante mais de meio século, reuni de forma apaixonada, particularmente a partir da segunda metade da década de 1940, os mais diferentes exemplares de armas brancas, todos ligados diretamente à história do Ocidente e do Oriente.
Nesta réplica de castelo, construído  no estilo Gótico-Tudor, encontram-se expostas algumas raridades e preciosidades de exímios artesãos, com o fim de atender as encomendas, especialmente feitas por nobres e senhores feudais, em anos que vão do século XVI aos finais do século XIX. Todos esses objetos se tornaram, nos tempos atuais, verdadeiros exemplos do dia-a-dia do passado, com participação efetiva nas guerras.
Encontram-se  aqui guardados antigos sonhos do menino de ontem, que conseguiu reunir este notável acervo de peças artísticas.
Para concretização deste sonho, tive por lema os versos do poeta português Fernando Pessoa: DEUS QUER, O HOMEM SONHA E A OBRA NASCE. "

Ricardo Brennand

Passeios e preços :

-> Passeio para Itamaracá ( incluso translado, visita ao Projeto Peixei Boi, visita a Praia de Itamaracá, visita ao Instituto Ricardo Brennand) : 40 reais por pessoa
-> Translado ida e volta Itamaracá - Ilhota Coroa do Avião : 7 reais por pessoa
-> Passeio de 40 minutos pelos manguezais de Itamaracá: 40 reais por pessoa
-> Visita ao Forte Orange: 2 reais por pessoa
-> Entrado para o Instituto Ricardo Brennand: 5 reais por pessoa.


14 comentários:

disse...

Maitê, Pernambuco é lindo! Vc fez passeios fantásticos. Eu conheço o Recife, Olinda e um pedacinho do litoral sul. Visitei o Instituto Ricardo Brennand e achei o máximo tb! Em janeiro estarei lá. Beijocas

diariodeumasenhora disse...

nossa vc conheceu muuuuita coisa.
Qdo fui em lua de mel fiquei em porto e so conheci os principais mesmo de olinda e recife. Acho q vale uma segunda viagem pra lá.

bjs

Than disse...

Q delicia Tete.....
Nossa...to babando aqui no teclado...kkkkk
Ai ai ai...um dia supero meus medos, e voo pra la tb! rs

Bjooos

Será que sara disse...

Oieeeee
ai q lindo Nossa já elogiei no orkut mais q lugar né?
q praias....

meu sonho é ir p lá....

adorei as fotos
vc super linda, feliz e poderosa
mil beijos

Dany Soares disse...

Nossa Maitê, que lindo esse lugar. Adorei o museu!!! E a praia onde você está sentada dentro d'água e dá para ver o fundo, lindo d+!!!
Espero poder ir lá também.
Parabéns pelo passeio, muito lindo mesmo.

Beijos

CAROL SATYRO disse...

Show de bola....

beijos

Marta disse...

Tetê.. que passeio maravilhoso! Foi muito bem comemorado esse aniversário!!! Lindas as fotos e os passeis super bons!
Beijocas

Nathália Borges disse...

Oii minha amiga!!
COmo foi o final de semana???
Tirando o fato do nosso encontro não ter acontecido, o fds até que deu.. hehe

Nossa.. que viagem deliiiciooosaa Maitê!!!
É muito bom quando temos a oportunidade de conhecer lugares assim neh?!!
Eu como futura jornalista e apaixonada por história, fico louca com essas coisas.. esses lugares, museus, vilas antigas.. nossa!! Perfeito!

Saudades de conversar com vc!!

BeijO grande e se cuida!!

CAROL SATYRO disse...

Oi florzinha... porto sim, é que eu trabalho com comércio exterior. Cuido de desembaraço aduaneiro, por isso os portos...

Beijocas

Casadíssima Lú disse...

Que fotos lindas, viajar e tão bom né, num lugar gostoso como esse então, huuummmm, bjus linda.

Karla disse...

Tetê vcs estão lindos e que lugar é esse mulher?? Lindo demais da conta amei parabéns pela escolha.

Beijos e saudades

lucy disse...

Nossa flor
que lugar lindo,adoro post históricos rsrs beijos

Nanda disse...

Maitê, que coisa mais linda! Que blz ! Sou doida pra conhecer! Lindas fotos ! Beijos

Nine disse...

Migaaaa....que inveja de vc...hehehe
Passeio maravilhoso heim???
Ai ai (suspiros)hehehe
Que bom que aproveitou ao máximo e trouxe tudo registrado pra gente, assim a gente pode viajar um pouquinho junto com vc...hehehe

]bjinhus minha linda e até a próxima.