quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

Nova Friburgo

Boa tarde meninas,

É com uma tristeza enorme no meu coração que venho aqui pedir para que quem puder, ajude aos desabrigados de Nova Friburgo. Sei que a região serrana do Rio de Janeiro está em estado de calamidade, mas Friburgo tem todo o meu carinho em especial, pois passei boa parte da minha infância por lá. Tenho amigos e tios muito queridos que moram naquelas terras e ver as cenas de destruição por lugares que costumava estar sempre passando, me deu um aperto no coração.

Praça do Teleférico - eu fui batizada naquela Igrejinha ao fundo que ficou destruída. Nesta mesma praça, bem na esquina, tinha a melhor loja de doces e queijos da cidade.


Apesar de estar procurando incessantemente notícias e fotos dos lugares onde meus parentes moram, não ando conseguindo descobrir muitas coisas ... e neste momento espero e rezo para que todos estejam bem.

Enfim, quem puder ajudar com o que for, por favor ... entre em contato com algum destes órgãos.



TRAGÉDIA NO ABRIGO DA SERRA- TERESÓPOLIS

As chuvas atingiram os canis e há muitos cães gravemente feridos.
Informações - Deposite com qualquer quantia:
Eliane T. M. Leão (tel: 21-9533.2956)

Hemorio – O órgão da Secretaria de Estado de Saúde e Defesa Civil fez um apelo para que a população doe sangue. O hemocentro precisa enviar 300 bolsas de sangue para a região serrana. O Hemorio fica na Rua Frei Caneca, nº 8, no Centro do Rio. O órgão funciona diariamente das 7h às 18h, inclusive em sábados, domingos e feriados. Para ser um candidato à doação, o voluntário deve ter entre 18 e 65 anos, pesar mais de 50 quilos, estar bem de saúde e levar um documento oficial de identidade com foto. Mais informações podem ser obtidas através do Disque-Sangue (0800-282 0708), que esclarece dúvidas e agenda o horário de doação no Hemorio com hora marcada.


Polícia Militar – Todos os batalhões de Polícia Militar do Rio também estão funcionando com centros de doações de sangue para as vítimas. Os comandantes dos batalhões também recomendam que sejam doados água minerla e alimentos não perecíveis, além de material de higiene pessoal. O material arrecadado será encaminhado ao 12º BPM (Niterói), de onde será enviado para as áreas afetadas.

Cruz Vermelha – Deixou o Departamento de socorros e Desastres em um plantão na sede, localizada na Praça Cruz Vermelha 10, no Centro, para receber água mineral, alimentos de pronto consumo (massas e sopas desidratadas, biscoitos, cereais), leite em pó, colchões, roupa de cama e de banho e cobertores. A entidade abriu uma conta para receber doações em dinheiro (Banco Real Ag. 0201 c/c 1793928-5).

Doações na Rodoviária – Na Rodoviária Novo Rio, as doações para a Cruz Vermelha estão sendo recebidos no piso de embarque inferior, das 9h às 17h.

Pão de Açúcar – O grupo montou postos de coleta em todas as 100 lojas das redes Pão de Açúcar, ABC CompreBem, Sendas, Extra Supermercado e Hipermercados e Assaí em todo o estado para que os clientes possam cooperar com doações de alimentos não perecíveis, roupas e cobertores. A ação acontece até o dia 26 de janeiro. Todo material arrecadado será levado às regiões afetadas por meio do sistema logístico do Grupo.

Doações em praças de pedágio – De acordo com informações da Concer, as praças de pedágio da BR-040 situadas em Duque de Caxias (km 104), Areal (km 45) e Simão Pereira (km 816), além da sede da empresa (km 110/JF, em Caxias) funcionarão a partir desta semana como postos de arrecadação de doações para os desabrigados. A Concer pede que sejam doados, preferencialmente, água mineral, produtos de higiene pessoal e de limpeza, roupas de cama, mesa e banho, além de colchonetes. Nas praças de pedágio, as doações podem ser entregues nos postos do Serviço de Informação ao Usuário da rodovia, que funcionam de segunda a segunda, 24 horas por dia.

Polícia Rodoviária Federal – A PRF montou quatro postos de arrecadação de alimentos e produtos de higiene pessoal. Dois pontos vão funcionar 24 horas e um deles, está instalado na BR-116, na altura do pedágio da Rio-Magé, e o outro na BR-101, no trecho de Casimiro de Abreu. Outros dois postos, na Rio-Petrópolis e na Rodovia Presidente Dutra, vão funcionar das 8h às 17 horas. A PRF informou que os alimentos arrecadados serão entregues para a Cruz Vermelha, que ficará encarregada de fazer a distribuição às vítimas.

Em Teresópolis- A prefeitura está recebendo doações de alimentos não perecíveis, água, roupas e cobertores para os desabrigados das chuvas. Os donativos podem ser entregues no Ginásio Pedrão, na Rua Tenente Luiz Meirelles 211, Centro. Informações podem ser obtidas pelo 199 da Defesa Civil. Uma conta exclusiva para receber doações também foi aberta para receber doações. Com o nome de “SOS Teresópolis – donativos”, a conta está disponível na Agência 0741-2 do Banco do Brasil, com o número 100000-9. Segundo a prefeitura, são aceitas ajudas de qualquer valor.

Em Petrópolis – Foram montados três postos para doação de água, colchão e material de limpeza e higiene na região de Itaipava: na Igreja Wesleyana, no Vale do Cuiabá; na Igreja de Santa Luzia, na Estrada das Arcas; e no centro de Petrópolis, na sede da Secretaria de Trabalho, Ação Social e Cidadania, na Rua Aureliano Coutinho, número 81.

Viva Rio – O Programa de Voluntariado do Viva Rio está arrecadando roupas e mantimentos. As doações podem ser feitas na Rua do Russel, 76, Glória ou através de depósito bancário na conta do Viva Rio, no Banco do Brasil, agência 1769-8, conta-corrente 411396-9 e CNPJ: 00343941/0001-28. Para mais informações o Viva Rio disponibiliza os telefones (21) 2555-3750 e (21) 2555-3785.

Fecomércio – As unidades do Sesc Rio e Senac Rio e a sede do Sistema Fecomércio-RJ estão coletando água mineral, alimento não perecível, roupas de cama e banho, material de limpeza e de higiene pessoal e colchões para as vítimas das enchentes na região serrana. Os pontos de coleta são:

Sede do Sistema Fecomércio-RJ (Flamengo) – Rua Marquês de Abrantes, 99, Flamengo

Horários de coleta das 9h às 18h, de segunda a sexta

Unidades Sesc Rio: São Gonçalo, Niterói, Copacabana, Tijuca, Ramos, Madureira, São João de Meriti, Nova Iguaçu, Teresópolis e Quitandinha (Petrópolis)

Unidades Senac Rio: Niterói, Copacabana, Marapendi (Barra), Faculdade Senac Rio (Centro), Botafogo, Petrópolis, Duque de Caxias, Politécnico (Riachuelo – Zona Norte)

Petkovic abre conta para ajudar – O jogador Petkovic entrou na corrente para ajudar. O atleta abriu uma conta no Bradesco para arrecadar dinheiro para as vítimas da Região Serrana. Banco-Bradesco Ag. 213-5 C/p. 1008425-3.

DJ pede doação de roupas e donativos – O DJ Sany Pitbul pediu que as pessoas que forem na festa Carioca Funk Clube, no sábado, levem roupas, cobertores e agasalhos para doar para as vítimas das chuvas na Região Serrana. A festa começará às 22h e acontecerá no Clube Internacional (entre o MAM e o Aeroporto Santos Dumont).

Frozen Spa – A empresa, que fornece pratos light congelados, disponibilizou a cozinha industrial para produzir refeições que estão sendo levadas para os abrigos de Petrópolis. Dois postos de coleta foram criados: um em Petrópolis, na Academia Acqua Sports, e outro em Itaipava, no gabinete do vereador Thiago Damaceno. A Frozen Spa pede para àqueles que podem ajudar que doem, em caráter emergencial, água mineral, arroz, feijão e macarrão. Postos de coletas:

Academia Acqua Sports: Estrada União e Indústria, 12.300 – Itaipava

Câmara dos Vereadores (gabinete do vereador Thiago Damaceno): Praça Visconde de Mauá, 89- Centro

Beijinhos para todas !!!



11 comentários:

Sandrinha disse...

Amiga q tragédia né!
E pensar q meu Ano Novo foi aí!
Esta praça tinha sido toda reformada a pouco tempo,assim como a Igreja tb.
Temos q orar mto msm.
Principalmente p/ q eles possam passar por esta prova sempre com mto fé.
Que deus possa abençoar, dar forças e resignação p/ família q perderam seus entes queridos.

Beijos!!

Jessica disse...

Tete...q coisa mais triste né???
Tb fico chocada com tudo isso...imagino a situação dessas pessoas...MISERICÓRDIA!!!
Vamos orar mesmo por eles, pq eles precisam e mto...
Mega bjo

Manu disse...

Nossa não gosto nem de ver.. fico tão triste.

Nós lá do trabalho já estamos organizando uma doação.

Beijooo

Elaine disse...

Maitê,
Espero que seus parentes estejam bem! Vamos mais uma vez pedir à Deus e ao nosso irmão maior Jesus para que possam amenizar a dor dessas familias que tanto sofreram.
bjos

Musa disse...

Querida, não sabia q vc tinha família em Friburgo. Tá mto triste mesmo essa situação. Deus tenha misericórdia dese povo.

Bjos.

Bianca Bueno disse...

Isso é muito, muito triste...

Karlinha disse...

Oi, Tetê!
Muito triste isso tudo...
Ontem chorei muito vendo o Jornal Nacional! Em pensar que estive em Friburgo há 2 meses e ver como está ela agora, doi demais o peito! Quanta gente perdeu tudo, quantas vidas se foram...
Peço que Deus conforte o coração das familias que perderam seu familiares e amigos. Que Jesus conforte a todos!
Vou aproveitar e separar umas coisinhas para mandar pra lá.

Beijinhos, amiga!!!

Juliana Galante Magalhães disse...

Oi Tete
nem preciso te falar como ficou meu coração né? Foi uma longa noite de lágrimas até receber a notícia por uma amiga de que a pequena e a mãe dela estão bem. Parece que sugaram todas as minhas forças, to um caco...
Beijo no coração
Juju

Marta disse...

Tetê, foi o caos mesmo.. e pior que ainda não terminou!
Eu vi várias fotos, mas não vi essa do teleférico. Fiquei chocada ao ver a destruição.. fiquei hospedada no hotel Dominguez, ao lado do teleférico e essa loja de doces era deliciosa!!!!
Espero que todos possam ajudar.. aqui no trabalho estamos fazendo um mutirão.

Beijocas

Karla disse...

Meu marido vai doar sangue e mais 5 pessoas da minha familia tb vai doar, eu e a igreja do meu bairro está arrecadando alimentos para enviar pra lá.
Dói pq meu Deus eu fui lá em novembro e hj eu vejo tudo destruido é uma dor muito grande de ver um monte de familia que perdeu tudo inclusive parentes.

Um beijo

Le disse...

Maite
é de cortar o coracao a foto da Pracinha...desolador!!
Beijos